Notícias

Uso Contínuo de Anticoncepcional - Clínica Doutor Dorgan

Uso Contínuo de Anticoncepcional

A pílula anticoncepcional age no organismo feminino inibindo a produção natural de hormônios, e consequentemente inibe a ovulação. Além disso, altera a camada interna do útero, impedindo a implantação do embrião e tem a capacidade de alterar a movimentação do óvulo nas trompas e no muco vaginal, comprometendo a passagem dos espermatozoides nas paredes vaginais.
Os Principais Benefícios quanto a pílula de uso contínuo:
* Evitar a gravidez indesejada;
* Contribuir para o tratamento da anemia ferropriva; * Controle da TPM;
* Evitar o desconforto da cólica, enxaqueca e indisposições que ocorrem durante o período menstrual;
* Ter uma menor concentração hormonal, embora sua eficácia contraceptiva seja mantida;
* Indicação para casos de mioma ou endometriose.
Prevenir a gravidez não desejada, como acabou de ler, é apenas um dos benefícios, pois já está comprovado que este tipo de medicamento pode ser eficaz para tratar as dores e prevenir a recorrência da endometriose em mulheres que possuem ou já tiverem este problema, também diminuindo os riscos de doenças, como câncer de ovário, câncer de endométrio, evitando o aparecimento de miomas e cistos de ovário.
A pílula contínua pode ser utilizada em situação específicas, preferencialmente para mulheres que tenham muita cólica menstrual, TPM, endometriose, mioma ou também na amamentação. “Porém, para cada diagnóstico, se utiliza um tipo específico de composição hormonal”. Por isso, a consulta prévia com o médico é essencial, não indique sua pílula a sua amiga, indique seu médico.